Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

política

Prefeitura de Primavera do Leste busca ‘Fila Zero’ com quase 10 mil procedimentos de saúde



Prefeitura e o Governo unem forças no ‘Fila Zero’, com a realização de quase 10 mil procedimentos de saúde para acelerar atendimento e revolucionar a saúde pública na cidade.

A Prefeitura de Primavera do Leste, em parceria com o Governo de Mato Grosso, anunciou que irá realizar cerca de dez mil procedimentos de saúde nos próximos meses. Essa ação se insere no âmbito do programa “Fila Zero”, que visa diminuir a fila de pessoas que aguardam por uma cirurgia ou exames médicos na cidade.
Os pacientes que aguardam por algum desses procedimentos devem entrar em contato com a Secretaria de Saúde do município pelo telefone 66 9719-7321 para atualizar seus cadastros. Esse procedimento é crucial para a organização e efetivação da ação.
Os procedimentos previstos pelo programa abrangem diversas áreas médicas, incluindo oftalmologia, ginecologia, urologia, otorrinolaringologia e cirurgia geral. Além disso, estão incluídos também exames de imagem como tomografia e ressonância magnética.
Sobre o ´Fila Zero´
O programa “Fila Zero” é uma iniciativa governamental que objetiva incentivar e facilitar a realização de procedimentos hospitalares e ambulatoriais de média e alta complexidade no estado. Seu principal objetivo é reduzir o tempo de espera para cirurgias eletivas e exames médicos na rede pública de saúde de Mato Grosso.
Primavera do Leste foi o primeiro município do estado de Mato Grosso a encaminhar proposta para adesão ao Programa Fila Zero na Cirurgia 2023, sendo a 1ª com 8.362 procedimentos, recebendo um Incentivo do Governo do Estado no valor de: R$ 4.093.311,63 e a Contrapartida do Município no valor de: R$ 855.113,48. O total de recursos da primeira proposta – R$ 4.987.139,51.
Posteriormente o município encaminhou uma nova proposta que se encontra em processo de validação, com cadastro de mais 1.111 procedimentos, com Incentivo do governo do Estado na ordem de R$ 1.511.306,12 e a contrapartida do município R$ 435.271,48, totalizando R$ 1.946.577,60  – Total dos investimentos em Primavera – R$ 6.933.711,04.


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Mulher confessa homicídio do esposo e mistério termina sobre desaparecimento


O delegado Flávio Leonardo, responsável pela investigação do desaparecimento de Edvan Moreira, falou sobre o homicídio e forneceu atualizações cruciais sobre o caso. O que inicialmente parecia um mistério envolvendo o sumiço de Edvan, ganhou novos contornos após intensas diligências e avanços nas investigações conduzidas pela Polícia Civil.

Edvan Moreira, residente em uma fazenda a aproximadamente 50 km do centro de Canarana, teria saído para cidade no dia 7, conforme relatos iniciais. No entanto, a descoberta da motocicleta da vítima na própria fazenda, em uma área de mata a cerca de 5 km de distância, levantou suspeitas sobre o desaparecimento.

“Localizamos a motocicleta da vítima em uma área de mata próxima à fazenda onde trabalhava. No entanto, estava claramente evidente que ela havia sido deliberadamente jogada em um rio para dificultar sua localização”, explicou o delegado Flavio Leonardo.

A reviravolta no caso ocorreu quando a esposa de Edvan, após ser submetida a uma nova entrevista como parte das investigações, confessou o homicídio. Ela admitiu ter disparado três tiros contra o marido, ocultando seu corpo e a motocicleta em locais distintos, distanciados da fazenda.

“Após a execução do homicídio, a suspeita utilizou uma máquina para transportar a motocicleta de Edvan e seu corpo para locais distantes da propriedade, em uma tentativa de dificultar a descoberta”, acrescentou o delegado.

A colaboração da esposa de Edvan foi fundamental para a identificação do local onde o corpo foi ocultado. As autoridades realizaram uma inspeção no local indicado, que foi confirmado pela Polícia Técnico-Científica como o local do crime.

Além disso, a polícia está investigando a possibilidade de que a suspeita tenha recebido ajuda para ocultar os objetos e o corpo da vítima, dadas as características do local de descarte da motocicleta.

A arma do crime, uma espingarda, foi apreendida pela polícia como parte das evidências. Agora, as autoridades conduzirão exames de DNA para confirmar a identidade do corpo encontrado e prosseguirão com as acusações de ocultação de cadáver e homicídio contra a esposa de Edvan.

O delegado Flávio Leonardo encerrou a coletiva reiterando o compromisso da Polícia Civil em buscar a verdade e garantir que a justiça seja feita para Edvan Moreira e sua família. O caso continua em andamento, com as autoridades empenhadas em esclarecer todos os detalhes e possíveis cúmplices envolvidos nesse trágico desfecho.

Araguaia FM


Antenado News