Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Brasil

Anatel determina bloqueio do sinal de aparelhos de TV Box em ação contra pirataria



Agência Nacional de Telecomunicações estima que existem de 5 a 7 milhões de aparelhos clandestinos em funcionamento

Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) anunciou nesta quinta-feira, 9, o desligamento de pontos clandestinos de TV Box, dispositivo conectado à internet que dá acesso a canais de televisão por assinatura, plataformas de streaming, filmes e séries. A ação faz parte do Plano de Ação de Combate ao Uso de Decodificadores Clandestinos, que visa aprimorar as atividades de fiscalização das práticas de uso e comercialização dos dispositivos. Segundo a agência reguladora, desde 2018, já foram retirados do mercado cerca de 1,4 milhões de TV Box, com valor estimado em R$ 400 milhões. A estimativa é que existam de 5 a 7 milhões de aparelhos ainda em funcionamento do país e a expectativa é que o Plano de Ação, aprovado na semana passada para bloqueio ou redirecionamento do tráfego de conteúdos, entre em vigor nas próximas semanas. O objetivo é “atuar de maneira mais célere, compatível com a agilidade dos fornecedores dos produtos clandestinos”.

“Espera-se, assim, impedir ou prejudicar de forma significativa o funcionamento desses equipamentos e desestimular o seu uso”, afirma a agência em comunicado. A Anatel também pretende com as medidas aumentar a segurança física e de dados dos usuários; reduzir a atividade clandestina das TVs por assinatura; reduzir os riscos às redes de telecomunicações causados por dispositivos TV Box não homologados; entre outros. Em conversa com jornalistas, a Anatel falou sobre os riscos aos usuários e às redes de telecomunicações foram os grandes motivadores para plano de ação. Estudos da agência apontam a presença de um software malicioso capaz de permitir que criminosos assumam o controle do TV box para a captura de dados e informações dos clientes, com acesso a registros financeiros ou arquivos e fotos que estejam armazenados em dispositivos que compartilhem a mesma rede de internet.

Fonte JP



COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Estelionatário que causou prejuízo de aproximadamente R$ 237 mil é preso no Ceará


Homem investigado pela Polícia Civil de Mato Grosso por cometer diversos crimes de estelionato, foi preso nesta quarta-feira (10.04), na cidade de Fortaleza, Estado do Ceará.

A prisão por força de mandado de prisão preventiva, foi realizada pela Polícia Civil cearense, após informações repassadas pela Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá.

Dezoito vítimas foram lesadas pelo suspeito, que utilizava da credibilidade em razão de ter sido gerente de uma grande concessionária de motocicletas na capital mato-grossense.

Conforme investigação da Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá, os golpes praticados pelo estelionatário causaram prejuízos financeiros que ultrapassaram R$ 237 mil.

Diante das evidências de crimes foi representado pela prisão preventiva do investigado, além das medidas cautelares de sequestro de bens e valores, afastamento de sigilo fiscal e bancário, que auxiliará nas apurações.

Com a expedição dos mandados judiciais, a Polícia Civil de Mato Grosso solicitou apoio à Polícia Civil do Ceará, que localizou e efetuou a prisão do suspeito em Fortaleza.

Fonte: Policia Civil MT – MT


Antenado News