Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

política

Articulação de Wellington Fagundes garante recursos para compra de equipamentos do novo pronto-socorro



O senador Wellington Fagundes (PR) articulou e impediu que o Congresso Nacional votasse na última terça-feira (24) o projeto de lei do Governo que retiraria os recursos de emenda impositiva de bancada destinadas a equipar o novo Pronto Socorro de Cuiabá.

A Comissão Mista de Orçamento já havia aprovado a proposta e converteria todos os recursos destinados a estruturação de unidades de atenção especializada em saúde em verbas de custeio – que serve também para quitação de dívidas.”A experiência do senador Wellington foi fundamental para ‘salvar’ essa situação, fugindo aquilo que havia sido acordado pela bancada”, disse o deputado Ezequiel Fonseca (PSD-MT). Fagundes, como líder do Bloco Moderador, formado por cinco partidos, apresentou um requerimento de destaque ao projeto governamental restabelecendo o ‘status’ da emenda impositiva na elaboração da Lei Orçamentária de 2017.

Com isto, conseguiu assegurar os recursos para aquisição dos equipamentos para o novo Pronto Socorro – alvo de grande polêmica nas últimas semanas. O republicano ainda articulou para evitar o quórum na sessão do Congresso Nacional que iria votar o PLN encaminhado pelo Governo.

“Isso permitiu que fosse possível apresentar esse destaque, ou seja, salvando os recursos para equipar o Pronto Socorro aos 44 do segundo tempo”, argumentou o deputado Ezequiel. “Agora, aprovando esse destaque na semana que vem, teremos a recomposição integral da emenda de bancada”.

“Meu compromisso sempre foi pelo uso dos recursos prioritariamente para compra dos equipamentos para o novo Pronto Socorro. E vou lutar por isso até o fim”, frisou o senador, em pronunciamento durante sessão do Congresso. Nesta quarta-feira, deputados federais e senadores da bancada de Mato Grosso voltam a se reunir para definir as estratégias de votação do destaque, na sessão convocada para o próximo dia 31.

A reunião será no gabinete do senador Cidinho Santos (PR).

O caso

As emendas impositivas da bancada, que totalizam R$ 156 milhões, são alvos de polêmicas desde o início do ano, quando o governador Pedro Taques (PSDB) pediu para que a bancada mudasse a destinação de parte do recurso – o que incluía o dinheiro para equipar o novo Pronto-Socorro de Cuiabá – para quitar as dívidas acumuladas na saúde estadual.

Após muitas discussões, Taques e Emanuel Pinheiro (PMDB), prefeito da Capital, acordaram que o dinheiro seria utilizado, conforme originalmente pensado, para comprar os equipamentos do novo Pronto-Socorro.

Na terça-feira (17), porém, a bancada anunciou que iria ratear o valor entre a Prefeitura e o Governo do Estado. A decisão foi tomada após uma reunião em Brasília, que contou com a participação do secretário-chefe da Casa Civil de Mato Grosso, Max Russi (PSB). Somente os deputados Fábio Garcia (PSB) e Valtenir Pereira (PSB) votaram contra o remanejamento. Bezerra não participou do encontro.

Olhar Direto



COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Estelionatário que causou prejuízo de aproximadamente R$ 237 mil é preso no Ceará


Homem investigado pela Polícia Civil de Mato Grosso por cometer diversos crimes de estelionato, foi preso nesta quarta-feira (10.04), na cidade de Fortaleza, Estado do Ceará.

A prisão por força de mandado de prisão preventiva, foi realizada pela Polícia Civil cearense, após informações repassadas pela Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá.

Dezoito vítimas foram lesadas pelo suspeito, que utilizava da credibilidade em razão de ter sido gerente de uma grande concessionária de motocicletas na capital mato-grossense.

Conforme investigação da Delegacia Especializada de Estelionato e Outras Fraudes de Cuiabá, os golpes praticados pelo estelionatário causaram prejuízos financeiros que ultrapassaram R$ 237 mil.

Diante das evidências de crimes foi representado pela prisão preventiva do investigado, além das medidas cautelares de sequestro de bens e valores, afastamento de sigilo fiscal e bancário, que auxiliará nas apurações.

Com a expedição dos mandados judiciais, a Polícia Civil de Mato Grosso solicitou apoio à Polícia Civil do Ceará, que localizou e efetuou a prisão do suspeito em Fortaleza.

Fonte: Policia Civil MT – MT


Antenado News