Primavera do Leste / MT - Segunda-Feira, 24 de Junho de 2024

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereador Luis Costa afirma que fechamento de UTI Pediátrica em Rondonópolis irá deixar de atender todas as crianças e adolescentes da região



Da Redação

Médicos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do Hospital Filantrópico Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis, anunciam que iriam encerrar os atendimentos neste domingo (15) por falta de repasse de valores por parte do governo do Estado. A unidade já não recebe novos pacientes e os internados devem ser transferidos para outras unidades. Por meio de nota a equipe médica que presta serviço ao Hospital alega dificuldades financeiras e defasagem na tabela do Sistema Único de Saúde (SUS) e por isso, as atividades devem ser encerradas.

A decisão de fechar a UTI Pediátrica em Rondonópolis foi comentada pelo vereador Luis Costa (PR), na sessão ordinária de sexta-feira (13), que foi a última deste semestre. O legislador questiona o governador do estado por ter deixado chegar a esta situação, de fechar as portas por falta de pagamentos.

“Caro Governador, eu lamento muito essa notícia, isso é um crime, é um assassinato premeditado as nossas crianças e adolescentes. Quando a pessoa já está doente, está com a saúde vulnerável, agora imagina fechar uma UTI que é um tratamento intensivo para quem está com a saúde muito delicada, e isso por falta de pagamento, é um absurdo”. Desabafa o vereador.

Luis Costa salienta ainda, que toda a demanda da região em relação a UTI Pediátrica, tem como referência Rondonópolis, e se caso parar os atendimentos, o que irá se fazer, porque quase não existem vagas e as que existem são em outras regiões do estado.

“Todo gestor público tem que ter sempre em mente que prioridade é saúde e educação, sem estes serviços, todos os outros não irão funcionar direito. Nós dependemos de inúmeros serviços de saúde do governo do estado em Rondonópolis, a UTI Pediátrica é um serviço essencial, e se algo estiver errado lá, aqui também será afetado”. Explica Luis Costa.

O legislador fala ainda que todos os meses ouvimos que serviços públicos estão sendo fechados, atendimentos parados, e quem sofre é as pessoas usuárias destes serviços, os mais simples, os que não tem condições de pagar por um atendimento particular, que são maioria.  Luis Costa ressalta que a política é um mecanismo de fazer transformação, principalmente para quem precisa.

“Independente de qual seja o gestor, estadual ou municipal, o nosso povo precisa de saúde e educação de qualidade. Nossa cidade e estado não podem ser tratados com indiferença, precisamos cobrar qualidade de trabalho, e assim atender as demandas existentes. Ainda vemos por ai, escola como a da Vila União uma vergonha, que tem salas divididas, que são pequenas e quentes, paredes deterioradas, crianças estudando em um contêiner, entre outras necessidades. A prefeitura tem responsabilidade em ajudar a manter a escola, já que existe uma sala anexa com crianças vinculadas a educação infantil, e por meio da Secretaria de Educação e Esporte, informaram que irá construir uma estrutura mais adequada aos alunos do município. Porém, não estou vendo mudanças, e melhorias a escola, nem por parte do município e nem estado. Já estamos indo para o segundo semestre e não existem licitações para aquisição de materiais e infraestrutura, e as crianças continuam da mesma forma. É uma vergonha ter um estado e uma cidade tão ricos e não dar o mínimo de estrutura para o futuro destas crianças”. Conclui.

Andamento das negociações da UTI Pediátrica

Após reunião, na sexta (13), entre deputados, representantes da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) e Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a diretoria da Santa Casa de Misericórdia de Rondonópolis decidiu prorrogar o prazo para efetivamente paralisar o atendimento da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica.

A suspensão do atendimento estava prevista para domingo (15), mas agora a diretoria vai aguardar até quinta-feira (19), para que o acordo com o Estado e Município seja cumprido.  Segundo a diretoria do hospital, foi estabelecido que seja regularizado os pagamentos em atraso até o início da semana e também vai ser mantido a regularidade nos pagamentos. Ao todo devem ser repassados R$ 2,5 milhões da Prefeitura de Rondonópolis para quitar o déficit das UTIs, além do realinhamento dos valores pagos pelos leitos de UTI.

 



COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Região

Servidores rejeitam proposta do governo e continuam com greve na UFMT


Segundo os servidores, as propostas apresentadas não são diferentes das que foram recusadas anteriormente.

Professores aprovam greve na UFMT — Foto: Divulgação

Servidores da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) rejeitaram a proposta de acordo feita pelo Governo Federal, durante uma assembleia geral realizada nesta sexta-feira (21), organizada pela Associação dos Docentes da UFMT (Adufmat) e afirmaram que continuarão em greve. O movimento já dura cerca de um mês.

A categoria reivindica:

  • Reestruturação de carreira
  • Recomposição salarial e orçamentária
  • Revogação de normas aprovadas nos governos Temer e Bolsonaro
O diretor geral da Adufmat, Maelison Neves, disse que as propostas salariais e de carreira apresentadas não são diferentes das que foram recusadas nas últimas assembleias. Segundo ele, não se percebe avanços fundamentais em relação às pautas da educação superior.

Nessa segunda-feira (17) seis unidades do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) decidiram encerrar a greve. Já outros 10 campus permanecem sem aula.


HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Acusado de matar companheiro é preso 4 dias após crime


Homem de 52 anos, apontado como autor do homicídio do seu companheiro, José Aparecido Leal, 62, em Tangará da Serra (239 km a médio-norte de Cuiabá), teve o mandado de prisão cumprido na manhã desta sexta-feira (21), após ser localizado em Cuiabá.

 

O crime que vitimou José Aparecido Leal, 62, ocorreu no último dia 17 de junho, em uma residência no bairro Vila Horizonte, em Tangará da Serra. O morador foi morto após discussão com o acusado.

Após o crime, o homem de 52 anos fez fotos e vídeos do corpo e enviou para a filha da vítima, além de deixar uma carta, confessando a autoria do homicídio. Diante das evidências, a Polícia Civil representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pela Justiça.

 

Com informações de que o autor havia fugido para Cuiabá, os policiais realizaram a operação conjunta, que resultou na localização do foragido e no cumprimento do mandado de prisão preventiva em seu desfavor.

GD


HOME / NOTÍCIAS

política

Primavera do Leste vence quatro categorias do Prêmio Band Cidades Excelentes 2024


Premiação é considerada o Oscar da Administração pública

Primavera do Leste colhe os frutos de uma gestão eficiente. Prova disso é que na noite de ontem (19) a cidade foi destaque e venceu quatro categorias do Prêmio Band Cidades Excelentes 2024: Sustentabilidade, Educação, Infraestrutura e Mobilidade Urbana, além de Desenvolvimento Econômico e Ordem Pública.

“Fomos premiados por nossas iniciativas inovadoras em diferentes áreas. Então estamos muito honrados de receber a premiação, que é considerada o Oscar da administração pública. Essa conquista é o resultado da dedicação conjunta dos nossos servidores que trabalham com tanto afinco” destacou o prefeito Leonardo Bortolin.

Uma das premissas do evento é compartilhar as cidades que são referência em soluções de gestão para inspirar outros municípios. A avaliação dos municípios é feita com base na ferramenta IGMA. Ela consolida os resultados de 72 indicadores em uma única nota final. Primavera do Leste foi destaque na categoria que avalia municípios entre 30 a 100 mil habitantes.

A secretária municipal de Educação, Adriana Tomasoni, esteve presente na capital do Estado para receber a premiação e ressalta a relevância da ação.  “Esse reconhecimento reflete o esforço e o comprometimento da Secretaria Municipal de Educação e da Prefeitura Municipal com a educação. E também é um incentivo que nos dá a certeza de que a educação primaverense está no rumo certo” confirmou.

Com a presença de várias autoridades, a cerimônia de premiação aconteceu no auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM), em Cuiabá. Na quarta edição, o prêmio é realizado pela parceria entre Grupo Bandeirantes com o Instituto Aquila.

Coordenadoria de comunicação


Antenado News